domingo, 30 de maio de 2010

antigo.


Não sei parar de querer

Não sei querer apagar

Não sei apagar seu sorrir

Não sei sorrir o negar

Não sei negar o abraçar

Não sei abraçar teu intimidar

Não sei intimidar seu poder

Não sei poder escapar

Não sei escapar de você.

Só sei querer abraçar

Só sei abraçar seu sorrir

Só sei sorrir e me apagar

Só sei apagar seu escapar

Só sei escapar do negar

Só sei negar teu intimidar

Só sei intimidar seu querer

Só.

8 comentários:

Lú Fernandes disse...

Poder te ler um pouquinho a cada dia é mais que um presente... Tô adorando!

Tati disse...

Bom escrito.

'Não sei intimidar seu poder

Não sei poder escapar'

A forma que usou os verbos deu uma força imensa. Gostei muito.

Um Beijo.

Anônimo disse...

meu negrito sublinha!

Xandy Britto disse...

Adorei a brincadeira com as palavras, muito bonito! XB

polegarzinha disse...

GENIAL, CABEÇA!!!

Keiny Luize disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Keiny Luize disse...

Não sei nem o que falar...







puts!

MeninaCajuína disse...

Nossa Gugu tu simplesmente me surpreende!